O apresentador do Alerta Nacional da RedeTV, Sikêra Jr, foi condenado pela Justiça de São Paulo a indenizar Junno Andrade, marido de Xuxa Meneghel.

Sikêra foi acusado por Junno após o apresentador fazer ataques ao casal durante edição do Alerta Nacional em 2020. Na ocasião, Sikêra chamou o marido de Xuxa de “gigolô”, o qual geralmente é chamado o homem que é sustentado por uma mulher em troca de sexo.

“E tem também lá o ‘jugolô’, não faz nada na vida. É o que está ligando para todo mundo pedindo para meter o pau em mim. Não vive de outra coisa, na asa. Já tentou de tudo, não consegue fazer sucesso”, disparou Sikêra em 2020.

A informação da condenação foi divulgada pelo jornalista Ancelmo Gois, do jornal O Globo. O juiz Guilherme Duran Depieri, da 10ª Vara Cível de SP, disse na decisão que “o conteúdo ofensivo é claro, depreendendo-se dos próprios termos empregados, como o trocadilho ‘jugolô’, ‘não faz nada na vida’, ‘vive na asa’”.

Por ISTOÉ GENTE