O Assaí informou na 4ª feira (14.out.2021) que fechou acordo com o GPA (Grupo Pão de Açúcar) para a compra de 71 lojas da rede de hipermercados Extra. O valor total da transação é de R$ 5,2 bilhões.

Em comunicado conjunto ao mercado (íntegra – 170 KB), as empresas informaram que o Assaí pagará R$ 4 bilhões ao Grupo Pão de Açúcar para assumir as 71 lojas. Esse montante será quitado em parcelas que vão de dezembro de 2021 a janeiro de 2024. O restante, R$ 1,2 bilhão, é referente a venda de 17 imóveis do GPA a um fundo imobiliário, com a “interveniência e garantia” do Assaí.

Os recursos devem ser usados para reduzir o endividamento do GPA.

As duas empresas são controladas mesmo grupo, o francês Casino. No comunicado, as companhias referem que a transação foi aprovada “exclusivamente com os votos dos conselheiros independentes de GPA e Assaí”.

Com a operação, o Pão de Açúcar sai do segmento de hipermercados. O grupo vai se focar em lojas de menor porte.

Jorge Faiçal, CEO do GPA, afirmou que “a transação representa uma oportunidade única de intensificar o foco e a aceleração da expansão dos negócios de maior rentabilidade da companhia por meio dos segmentos premium e de proximidade, notadamente com as bandeiras Pão de Açúcar, Minuto e Mercado Extra”.

Segundo ele, a bandeira Extra Hiper será descontinuada e “as lojas não abarcadas pela transação serão convertidas em formatos com maior potencial de rentabilidade”.

Por Poder 360