A 21ª edição do Big Brother Brasil se aproxima do fim e na noite desta terça-feira (28) mais um brother deixou o casa. Após enfrentar a berlinda com Pocah e Camilla de Lucas, Arthur foi o 14º eliminado com 61,34% dos votos.

“Eu entrei aqui um moleque e tenho certeza que saio daqui um homem. Vocês colaboraram muito, assim como os outros 14. Sou fã de vocês. A minha vida mudou, a vida da minha família mudou e eu mudei”, declarou o instrutor de crossfit, ao se despedir.

Na saída, Tiago Leifert aproveitou para abrir o jogo sobre um dos motivos que o eliminou do game. “Sua relação com a Carla incomodou muita gente aqui fora e você vai ter que analisar. Na prova do líder, ela passou mal e você não foi ajudá-la. Tem uma expectativa das pessoas, que vocês não realizaram, mas por culpa sua”, explicou.

“Eu já imaginava que a minha situação com a Carla fosse me prejudicar aqui fora, mas foi de verdade sim. Já fazia cinco anos que eu não me apaixonava por alguém e me assustou. A primeira pessoa que eu quero conversar é com a Carla. Tenho dificuldade em demonstrar meus sentimentos. Agora, a galera sabe que eu sou um crossfiteiro que chora e se emociona muito”, brincou.

Após a eliminação do brother, o apresentador anunciou a prova patrocinada pela Samsung. Em uma dinâmica de pura sorte, Juliette se consagrou a última líder desta edição, além de ser contemplada com R$ 10 mil e dois celulares da marca.

Na sequência, a advogada indicou Pocah ao paredão que optou em livrar Fiuk da berlinda e enfrentar Camilla de Lucas e Gil. Na quinta-feira (29) um dos três se despede do game e o último paredão será formado entre os quatro finalistas. O reality se encerra no dia 4 de maio.

Por Caroline Ferreira MSN Famosos